30 de mar de 2015

Estar grávida

Li esse texto no site babycenter e achei incrível o texto pois exatamente assim que me sinto... e acredito que muitas gestantes.



Estar grávida...
É ler 50 vezes o resultado positivo do exame para ter certeza que está correto.
É ficar chocada ao saber que uma gestação dura 40 semanas e não nove meses como todo mundo diz por aí. Que demora… são dez meses!!!

É se sentir muito estranha…
...E quem não sente nada de estranho, estranho é.
Muito hormônio, muita mudança, insegurança…
É sentir tudo o que se pode imaginar…
Sentir fome, muita fome! E ainda ter que se preocupar com o ganho de peso…
Ter sono, muito sono!!!
Acordar várias vezes de madrugada para fazer xixi.
Sem falar nos enjôos e na azia…
Não é a toa que a grávida tem preferência!
É muito calor, depois frio, e mais calafrio.
E câimbra, dor na bacia…
O cabelo que não pode pintar.
O creme que não pode usar.
O remédio pra espinha… nem pensar!
É ter também os medos: de ficar gorda pra sempre, de ter estria, celulite, do peito cair, do peito doer,de não dar conta…
E o frio na barriga de pensar: Será que vai nascer perfeitinho?
Orar, e muuuuuuito, para que ele nasça perfeitinho.
Se pegar imaginando, por horas a fio, como será os olhos, os cabelos e a pele do filho que vai chegar.
É esperar ansiosamente pelo dia do ultrassom, e assim que sair de lá, esperar ansiosamente pelo próximo!
Aprender a enxergar o filho nas manchas de uma ultra-sonografia.
Ter uma vontade louca de comprar um aparelho pra fazer ultra em casa!!!
Cada ultra, uma novidade.
Cada detalhe, uma alegria… imensa, infinita!
Ler muito sobre gravidez, pular o capítulo do parto (pois ainda é muito cedo pra se preocupar) e ir direto para os cuidados com o bebê.
Ler na internet o desenvolvimento do neném a cada nova semana.
Ir ao shopping e desejar apenas coisinhas para o filho.
Ficar muito esquisita e descobrir uma incrível capacidade de sentir todas as emoções em uma hora, da alegria descontrolada ao mau humor sem fim.
Ter a fase do mau-humor e da felicidade que não tem tamanho.
É acreditar num mundo melhor.
Gravidez tem de tudo um pouco, e cada pouco é um mundo!
Gravidez é coisa esquisita:
É estranho demais!
É bom demais!!
É demais!!!

Obrigada pela visita!!!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...